Login Espanha Portugal

se nos abraçarmos o futuro é nosso somos diferentes, mas somos irmãos gémeos portugal e espanha a uma só voz serão respeitados portugal e espanha têm riqueza comum para gerir juntos descobrimos o mundo

Actualidade


25 de Abril, dia em que a utopia se tornou o novo normal.

25 de Abril, dia em que a utopia se tornou o novo normal.

 

 P. Pereira, coordenador do Algarve -  Optou por nos remeter para uma carta de Pedro Barroso http://noticiasdealmeirim.pt/opiniao_completa.asp?id=5366


I. Valério, Coordenador de Beja - O dia 25 de Abril de 1974 trouxe ao povo português a oportunidade de uma nova vida. Em liberdade os sonhos outrora em surdina podiam agora revelar-se. Um pais livre, um povo com esperança no futuro.
25 de Abril sempre, para sempre.


E. Tavares, Coordenadora de Évora - Esta data histórica, merece a nossa reflexão, força e determinação, de manter vivos os princípios de Abril.
A Democracia constrói-se dia a dia!
O pacifismo que orientou a nossa revolução, tem de manter-se vivo, no caminho que estamos a percorrer, para as mudanças que urgem fazer no Mundo!
Os Direitos Humanos, a Paz, a redistribuição da riqueza, o direito à Educação, à Saúde e à Justiça, têm de manter-se como pilares da nossa existência.
Um excelente 25 de Abril para todos.

P. Gonçalves, Coordenador de Castelo Branco - Hoje, tal como no 25 de Abril de 74, é preciso perder o medo, afrontar o monopólio da razão e apresentar novos paradigmas que contribuam para uma sociedade mais solidária, mais digna, mais justa, exigente e mais próspera.

V. Pardal, Coordenadora dos Açores - V. Pardal, Coordenadora dos Açores - Embora com um longo caminho a percorrer, o 25 de Abril representou, e ainda representa, uma abertura e oportunidade dada à população de ser ouvida nos
assuntos que lhe interessa e que lhes dizem respeito no seu dia-a-dia. Mas
esta oportunidade consubstancia-se na responsabilidade de ter uma voz mais
ativa e uma participação mais forte nas decisões que são tomadas. O caminho
a percorrer e a forma como será percorrido diz respeito a todos nós,
enquanto cidadãos. Há que tomar essa responsabilidade e lutar pelo que
acreditamos.

J. Reis, Coordenador de Lisboa - De nada nos serve a liberdade, se não ousarmos usá-la em defesa dos ideais
em que acreditamos. 


C. Freire, Coordenador de Aveiro - `A voz ao povo, foi dada por nós esta madrugada (Salgueiro Maia).

 

Fonte: mPI - 21/10/17


« Voltar

 


 

Bem-vindos ao nosso site

O mPI é um movimento com vista a romper com o sistema instituído, de forma a dar início a uma nova era de esperança e prosperidade em Portugal e Espanha.

Continuar a ler »
Movimento Partido Ibérico
na Imprensa

Inquérito

Portugal e Espanha devem definir políticas comuns?




Inquéritos Anteriores »

2012 © Movimento Partido Ibérico
desenvolvido por: dbest-design